Notícias

Vendas líquidas em dezembro somaram R$ 1,2 bilhão

janeiro 20, 2016
Tempo de leitura 1 min

Fonte: Valor

As vendas líquidas do Tesouro Direto somaram R$ 1,246 bilhão em dezembro, resultado de vendas de R$ 1,564 bilhão e resgates de R$ 318,4 milhões (recompras no mês). O mês marcou, assim, recordes históricos em volume e número de investidores cadastrados. Segundo informações do Tesouro Nacional, os títulos mais demandados foram os indexados ao IPCA, que tiveram participação nas vendas de 51,2%. Os prefixados corresponderam a 21,7% e os indexados à taxa Selic (Tesouro Selic), 26,9%.

Sobre prazo de emissão, 13,4% das vendas no mês corresponderam a papéis com vencimentos acima de dez anos. As vendas de títulos com prazo entre cinco e dez anos representaram 38,5% e as com prazo entre 1 e 5 anos, 48,1% do total. Foram realizadas, no mês, 136.631 operações com valor médio de R$ 11.453,09.

Em dezembro, o estoque somou R$ 25,6 bilhões, aumento de 6,6% ante novembro (R$ 24 bilhões) e de 67,3% sobre dezembro de 2014 (R$ 15,3 bilhões).

Os títulos remunerados por índices de preços respondem pelo maior volume no estoque, alcançando 59,5%, seguido por prefixados (20,9%) e títulos indexados à Selic (19,6%). Do estoque, 2,5% dos títulos vencem em até um ano. A maior parte, 53,2%, é de títulos com vencimento entre um e cinco anos. Os papéis com prazo entre cinco e dez anos correspondem a 28,3% e acima de dez, a 16,0%.

Em dezembro, 20.056 novos participantes se cadastraram no Tesouro Direto. O total atingiu 624.358, um aumento de 37,5% em 12 meses. O número de investidores ativos chegou a 233.945, uma variação de 81,3% em 12 meses.

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário